Artigo

Artigos

A importância do hábito da leitura para crianças e adolescentes

A literatura é fundamental para melhorar o desempenho escolar e social. A infância e adolescência são as primeiras fases da vida e é a partir delas que se deve encorajar e estimular hábitos que sejam construtivos, para que possam fazer parte e serem nutridos durante toda a trajetória de vida. Um desses hábitos benéficos é […]


Em 06 de março de 2018

Compartilhar este artigo

A literatura é fundamental para melhorar o desempenho escolar e social.

A infância e adolescência são as primeiras fases da vida e é a partir delas que se deve encorajar e estimular hábitos que sejam construtivos, para que possam fazer parte e serem nutridos durante toda a trajetória de vida.

Um desses hábitos benéficos é o da leitura, que se inicia, ou deveria se iniciar ainda na tenra idade, seguindo-se para a adolescência, onde as crianças já estarão prontas para consolidar essa rotina tão importante e benéfica para o desenvolvimento mental e criativo dessas faixas etárias.

A leitura é um portal para novos cenários, imagens e sensações. Tudo isso sem sair do lugar. É por ela que o indivíduo tem seu primeiro contato com mundos diferentes ao seu convívio habitual.
Da família para a escola
O correto é que esse contato da leitura na infância se dê primeiro em casa, através do incentivo dos pais ou demais responsáveis pela criação dos pequenos. Contudo, o atual ritmo de vida corrido levado por boa parte das pessoas impede que muitos pais desfrutem de momentos de leitura com os filhos. Cabendo, para as crianças, ter a escola como único ou principal veículo de contato com o maravilhoso mundo da literatura.

Ainda assim, é necessário que os pais de crianças e adolescentes encontrem alguma maneira de encaixar um tempo, por mínimo que seja, em suas rotinas, para a leitura com seus filhos. Além de ser uma excelente maneira de aliviar o estresse do dia, ainda ajuda a estreitar os laços de afeto e cumplicidade entre pais e filhos.
Desempenho escolar e social
Já está comprovado que crianças e adolescentes que fazem da leitura um costume regular, possuem um aprendizado bem mais facilitado e apresentam maior agilidade de raciocínio e capacidade de expressão verbal e escrita. Isso, quando comparado aos demais que torcem o nariz para os livros.

Crianças e adolescentes que incorporam o hábito da leitura se tornam seres mais capazes de compreender o meio em que vivem; melhoram suas personalidades e ganham características como tolerância, paciência, afetuosidade e respeito em relação às diferenças de seus semelhantes; conseguem captar de modo mais sensível o mundo ao seu redor; são confiantes, sociáveis e são capazes de exteriorizar mais claramente suas emoções para seus familiares, amigos e professores.

Mesmo sendo a literatura um dos patamares para a construção de uma educação infantil eficaz, muitos pais, familiares e educadores pedagógicos ainda encontram empecilhos na hora de estimular crianças e adolescentes a ler. Confira, abaixo, três dicas preciosas que vão ajudar nessa missão:

1. Crie grupos de leitura

Tirar um dia da semana para ser o “dia do livro” e lê-lo junto com o seu filho é uma boa alternativa para estimulá-lo a criar o hábito da leitura. Assim, ele vai ficar sempre na expectativa da surpresa da história que será contada naquele dia. Isso fará com que crie uma memória afetiva junto ao livro, associando a leitura a uma atividade que é divertida e prazerosa;

2. Crie o hábito de ler

Manter o hábito de ofertar livros de presente é uma boa alternativa na hora de dar um empurrão para os pequenos e jovens tomarem gosto pela leitura. O ideal é prestar atenção em livros que contenham histórias pelas quais eles costumam se interessar;

3. Escolha o livro de acordo com cada faixa etária

Para crianças pequenas, narrativas de contos de fadas ou com gravuras para pintar, contornar e imagens que saltam do livro são excelentes opções. Para os jovens, livros que lidem com os dilemas da adolescência, histórias baseadas em seres fantásticos e mitológicos, biografias de músicos e demais personalidades que eles admiram são boas dicas.
Formação de qualidade
Ciente da responsabilidade que a literatura tem diante da formação do estudante, o Colégio Suíço-Brasileiro oferece um acervo com de 14.000 títulos em português, alemão, inglês e francês. Além disso, o incentivo à leitura começa desde a educação infantil, com visitas semanais à biblioteca. São disponibilizados horários especiais, em que os alunos maiores escolhem seus livros e realizam a leitura, enquanto os pequenos ouvem as histórias contadas por suas professoras. Com a leitura, os alunos são estimulados a escreverem textos literários e a participarem da TicoTico, a revista semestral do colégio.

Para ajudar os pais na tarefa de administrar o ensinamento e estímulo da leitura, é essencial que escolham uma boa instituição de ensino. O Colégio Suíço-Brasileiro é uma excelente opção para os pais que desejam sempre o melhor para seus filhos. Saiba mais aqui.

 

 

Fonte: BlastingsNew; Brasil Escola; Colégio Marupiara.